www.comovoltaradeus.com
              
                                                                        
                                                                                          Click

Confirmando a palavra de Deus.

     O que era o espinho na carne do apóstolo Paulo?

2º Coríntios cap.12 vers. 7 a 9

 

Saulo quando era perseguidor da igreja, resolveu pedir autorização aos sacerdotes para prender os cristãos de Damasco, e no caminho seguindo ele estrada fora, ao aproximar-se de Damasco, subitamente uma luz do céu brilhou ao seu redor, e, caindo por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues? Ele perguntou: Quem és tú Senhor? E a resposta foi: Eu sou Jesus, a quem tu persegues;. Com esta maravilhosa visão Saulo caiu por terra e: Os seus companheiros de viagem pararam emudecidos, ouvindo eles a voz, não vendo, contudo, ninguém.

 

Então se levantou Saulo da terra e, abrindo os olhos, nada podia ver. E, guiando-o pela mão, levaram-no para Damasco. Esteve três dias sem ver, durante os quais nada comeu, nem bebeu. Atos cap. 9 versículos 3 a 9. Quando Saulo caiu do cavalo, por causa de uma grande luz que apareceu no céu, dizendo ser o Senhor Jesus, ele teve os seus olhos afetados pela forte luz igual ao sol vindo diretamente sobre sí, e caindo no chão teve os olhos inundados por grande quantidade de areia quente, provocando a sua cegueira, por causa de ambas as coisas.

 

Logo foi levado para a cidade e ficando hospedado por três dias e fazendo jejum, recebeu a visita enviada por Jesus, de Ananias servo do Senhor que tinha a incumbência de orar e determinar a cura dos olhos dele. E assim foi feito e em nome do Senhor Jesus ele passou a enxergar, entregou sua vida, se batizou, e passou daí em diante a pregar o evangelho da graça com a direção do Espírito Santo, e passou a ser chamado de Paulo o apóstolo. Usado por Deus ele visitou muitos países fazendo a obra do Senhor e pregando o evangelho a todas as nações que Deus permitia que ele fosse pregar. 

 

Mas o apóstolo Paulo conforme ia fazendo a obra de Deus, viu que o povo tinha uma admiração profunda por ele a ponto de juntar-se grande multidão, e isso para ele e tanto para nós acaba tornando-se um laço, porque acabamos nos sentindo orgulhosos de ver que as pessoas querem estar bem perto, nos saudando e nos bajulando. Isto ia crescendo tanto no coração dele, que estando Paulo, Lucas e Timóteo em Filipos: "Aconteceu que, indo nós para o lugar de oração, nos saiu ao encontro uma jovem possessa de espírito adivinhador, a qual, adivinhando, dava grande lucro aos seus senhores. seguindo a Paulo e a nós, clamava dizendo: "Estes homens são servos do Deus Altíssimo e vos anunciam o caminho da salvação".

 

Isto se repetia por muitos dias. Então Paulo, já indignado, voltando-se, disse ao espírito: Em nome de Jesus Cristo, eu te mando; retira-te dela. E ele, na mesma hora, saiu. Atos capítulo 16 versículos 16 a 18. A primeira observação que os três deveriam fazer era saber que aquela jovem estava manifestada por espíritos malígnos, e no primeiro dia teriam que expulsar esses demônios e não dar chance ao diabo para falar ao povo (ficticiamente) sobre a obra de Deus. Porque jamais vimos e nem podemos aceitar, que os demônios vão a nossa frente, anunciando para todos: "Estes homens são servos do Deus Altíssimo, e vos anunciam o caminho da salvação".

 

Era notório que os demônios faziam isto, (como ja fizeram no céu) para colocar o orgulho dentro do coração deles, e assim inutilizar a obra espiritual do SENHOR e fazê-la tornar-se carnal. E só depois de muitos dias é que Paulo e os demais viram que aquilo era um laço do diabo, e então repreendeu-o em nome de Jesus e a moça foi libertada desse mal, Várias vezes nas cartas de Paulo nós vemos que ele quer se destacar mais do que os outros, e ele fala abertamente sobre isso, veja:  "Mas, pela graça de Deus, sou o que sou; e a sua graça que me foi concedida, não se tornou vâ; antes, trabalhei muito mais do que todos eles"; todavia, não eu, mas a graça de Deus comigo.

1º coríntios cap. 15 vers. 10.

 

Este orgulho nos leva a ter um exesso de autoridade que muitos de nós também temos, e isso nos leva as vezes a cometer injustiça aos nossos subordinados. E pensamos que temos tanta autoridade que até podemos repreender aos nossos superiores, perdendo assim o temor do senhor e a ética profissional, veja o apóstolo Paulo exercendo este exesso com uma autoridade maior do que a dele, porque Pedro e Tiago é quem dirigiam todo trabalho de evangelização em Jerusalém sobre homens e mulheres de Deus e quando Paulo os encontrou, sabia que o ministério deles ja tinha muitos anos, e o seu apenas 14. "Quando, porém, Cefas (Pedro) veio a Antioquia, resisti-lhe face a face, porque se tornára repreensível. Gálatas cap. 2 versículos 11 a 14.

 

Quando, porém, vi que não procediam corretamente segundo a verdade do evangelho, disse a Cefas (Pedro), na presença de todos: "Se sendo tu judeu, vives como gentio e não como judeu, por que obrigas os gentios a viverem como judeus"? A bíblia diz que devemos repreender quem quer que seja a primeira vez, somente estando nós e a pessoa, a segunda vez com duas testemunhas, a terceira ficando a frente com o povo da igreja, e se a pessoa não se consertar, será expulsa para outra igreja que ela queira ir". Mateus cap. 18 versículos 15 a 17. Paulo então passou a ter orgulho de sí próprio no coração, e chegou o dia que Deus o arrebatou para o paraíso onde ele viu muitas coisas maravilhosas, mas o SENHOR sabendo que ele poderia usar estas coisas para exaltar o seu coração, não permitiu que assim que ele voltasse para a terra, diria tudo que viu no céu (como Deus permitiu que o apóstolo João visse e escrevesse no Apocalipse). Aqui está a narração que ele fez sobre a viagem ao paraíso.

 

"Se é necessário que me glorie, ainda que não convém, passarei as visões e revelações do Senhor. Conheço um homem em Cristo que, há catorze anos foi arrebatado até o terceiro céu (se no corpo ou fora do corpo, não o sei, Deus o sabe) e sei que o tal homem (se no corpo ou fora do corpo, não sei, Deus o sabe) foi arrebatado ao paraíso e ouviu palavras inefáveis, as quais não é lícito ao homem referir. De tal coisa me gloriarei; não, porém, de mim mesmo, salvo nas minhas fraquezas. Pois se eu vier a gloriar-me, não serei néscio, porque direi a verdade; mas abstenho-me para que ninguém se preocupe comigo mais do que em mim vê, ou de mim ouve".

 

"E, para que não me ensoberbecesse, (colocasse o orgulho no coração) com a grandeza das revelações, foi-me posto um espinho na carne, mensageiro de Satanás, para me esbofetear, a fim de que não me exalte. Por causa disto, três vezes pedi ao Senhor que o afastasse de mim. então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, mais me gloriarei nas fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo". 2º Coríntios cap. 12 versículos 1 a 9.

 

Deus conhece todas as nossas intenções de coração, e quando ele vê que a obra que devemos fazer, será para exaltar-nos, Ele mesmo impede-nos de ir para tal lugar, cidades ou países, e não importa quem seja que ele vai impedir, porque a palavra dele diz que:"Agindo Deus, quem impedirá". Ou "Quem me pedirá contas, ou qual o pastor que me poderá resistir" Jeremias cap. 49 vers. 19. Veja agora o próprio apóstolo Paulo e os demais, sendo impedidos pelo Espírito Santo e pelo espírito de Jesus: "E, percorrendo a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de pregar a palavra na Ásia. Defrontando Mísia, tentaram ir para Bitinia, mas o Espírito de Jesus não o permitiu". Atos cap. 16 versículos 6, 7.

 

Fora estes impedimentos, houve outros qua as vezes impedia o apóstolo Paulo de ir pregar o evangélho em outros lugares ou cidades. Pois quando ele viu aquela luz que era Jesus e caiu no chão e teve os olhos encharcados pela areia, ficou cego, mas foi depois curado pela oração de Ananias enviado por Jesus, e assim que recebeu a oração cairam dos seus olhos muitas escamas como se fosse de peixe (areia) e ele passou a enxergar. Só que havia várias ocasiões que os olhos de Paulo apareciam com irritações e prejudicava as viagens dele e também a pregação, e por causa disto ele sempre andava acompanhado pelo médico e evangelista Lucas, que o assistia nas vezes que tinha problemas com estas inflamações oculares.

 

Ele mesmo escreveu na bíblia várias vezes falando para os irmãos na fé, e autenticar isto: "E vós sabeis que vos preguei o evangelho á primeira vez por causa de uma enfermidade física (nos olhos). E, posto que a minha enfermidade na carne vos foi uma tentação, contudo, não me revelaste desprezo e nem desgosto, antes, me recebestes como anjo de Deus, como o próprio Cristo Jesus. Que é feito, pois, da vossa exultação? Pois vos dou testemunho de que, se possível fora, teríeis arrancado os próprios olhos para mos dar.  Gálatas cap. 4 versículos 13, 14, 15.

O espinho na carne de Paulo, era uma enfermidade nos dois olhos que inflamavam as vezes e o impedia de ler, escrever e viajar pregando o evangelho. Então nestas ocasiões o médico doutor Lucas, permanecia cuidando dele até que ele estivesse recuperado. Tão grande era este problema com Paulo que a maioria das vezes ele ditava e usava os auxiliares para escrever as suas epístolas, mas quando estava melhor, ele mesmo escrevia. Quando isto acontecia ele colocava uma referência escrita embaixo das epístolas, dizendo: "Vede com que letras grandes vos escrevi de meu próprio punho". Gálatas cap. 6 vers. 11 e também: "Eu, Paulo, escrevi esta saudação de próprio punho". 1º Coríntios cap. 16 vers. 21

 

E, para que não me ensoberbecesse, (colocasse o orgulho no coração) com a grandeza das revelações, foi-me posto um espinho na carne (inflamações nos olhos, causadas pela luz e areia) que ele tinha recebido em sua queda, no começo, mensageiro de Satanás, para me esbofetear, a fim de que não me exalte. Quando Deus presentía que o apóstolo Paulo iria fazer a obra algumas vezes e se exaltar, permitia que ele passasse por esta prova de fogo, para não fazer a obra do Senhor na carne, por vontade própria.
                       Click                             Click    

                                     Pastor Antonio